Arsenal da Esperança - São Paulo, Brasil

Em 1996, o Arsenal da Esperança nasceu em São Paulo, Brasil, dentro dos muros da antiga Hospedaria dos Imigrantes, uma estrutura que de 1886 a década de 1950 acolheu milhões de migrantes de todo o mundo, quase um milhão Itália. Eles ficavamm nesta "casa da dor" por um período de quarentena antes de partirem para as plantações de café e algodão, onde iam substituir os escravos.

A história do Arsenal da Esperança é inserida em um caminho maior, nascido de encontros com Dom Helder Camara e Dom Luciano Pedro Mendes de Almeida, mestres da vida com quem centenas de intervenções e projetos foram promovidos no Brasil e em outros lugares, com ações de desenvolvimento voltadas principalmente para as crianças.

Para gerenciar esses projetos, a ASSINDES (sigla em português da: Associação Internacional para o Desenvolvimento) que  nasceu em diferentes regiões do Brasil. A jornada de comunhão, humana e espiritual, entrelaçada com os amigos dos ASSINDES de São Paulo (nascida em 1990) criou "as bases" para acolher,  os primeiros membros consagrados da Fraternidade de Esperança, vindos do outro lado do oceano,  através dos quais iniciou o projeto do Arsenal da Esperança.

Arsenal da Esperança: traços de uma história... 

Era "a casa da dor" destinada à quarentena de imigrantes, sobretudo,  europeus. Desde 1996, o Arsenal da Esperança é uma casa que recebe diariamente milhares de pessoas (homens) em situação de rua para resgatar a sua dignidade. É uma casa onde não há distinção entre quem acolhe  e quem é acolhido, onde a gratuidade não humilha, não reduz a dignidade da pessoa, mas resgata neles o imenso potencial que têm. O Arsenal da Esperança é dedicado a Dom Luciano Pedro Mendes de Almeida.

O sonho de Ernesto e Maria Olivero, de vencer a fome e as injustiças sociais no mundo, fez com que, aos poucos, o SERMIG se fizesse presente em dezenas de países, apoiando e realizando numerosos projetos de colaboração e desenvolvimento. 

Foi ao longo dessa caminhada que o SERMIG e a Fraternidade da Esperança chegaram ao Brasil, terra dos amigos e mestres Dom Helder Câmara e Dom Luciano Pedro Mendes de Almeida. 

No Brasil, para melhor organizar os seus projetos e, sobretudo, para suscitar cada vez mais a cooperação e a comunhão humana e espiritual com os amigos brasileiros, o SERMIG fundou, em várias regiões do país (Bahia, Sergipe, São Paulo, Rio de Janeiro e Minais Gerais), os núcleos da Associação Internacional para o Desenvolvimento (ASSINDES). 

Na cidade de São Paulo, por inspiração do próprio Ernesto, compartilhada por Dom Luciano e outros amigos, no dia 27 de junho de 1990, na Igreja de São Rafael, no tradicional bairro da Mooca, nasce a ASSINDES - Núcleo São Paulo (ASSINDES-SP) com a finalidade de assistir e valorizar os menos favorecidos da sociedade. 

O entusiasmo do então pároco da Igreja de São Rafael, o missionário italiano Padre Alberto Trombini, motivou muitos membros da comunidade a se engajarem nas atividades da ASSINDES que, graças a essa participação efetiva, conseguiu construir 81 moradias para famílias necessitadas e desenvolver alguns centros de formação, escolas e estruturas comunitárias, proporcionando a aquisição do imóvel e o início do projeto denominado Casa Vida (casa de acolhida para crianças portadoras do vírus HIV), sob a responsabilidade de outra entidade. 

Tudo isso cria as “bases” para o surgimento, a partir de 1 de fevereiro de 1996, do Arsenal da Esperança. A convite do Governo do Estado de São Paulo e da Arquidiocese de São Paulo e encorajado por Dom Luciano, Ernesto Olivero aceita o desafio de fundar um novo Arsenal, trazendo para São Paulo a experiência e o espírito de acolhida e de solidariedade, baseado  na experiência amadurecida no  Arsenal da Paz de Turim. 

Três jovens consagrados da Fraternidade da Esperança deixam a Itália e, junto com os casais da ASSINDES-SP, se tornam o “núcleo” do SERMIG e da Fraternidade no Brasil, agregando outros jovens e casais interessados em compartilhar o serviço e o estilo de vida da comunidade. 

Em 2005, a ASSINDES-SP modernizou seus estatutos e mudou de nome, tornando-se ASSOCIAÇÃO ASSINDES SERMIG, unindo mais ainda os percursos da ASSINDES-SP e do SERMIG. 

Em 2008, depois de doze anos de parceria com o Governo do Estado de São Paulo, os serviços prestados no Arsenal da Esperança foram objeto de convênio com a Prefeitura do Município de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social. 

O nosso sonho “sem fronteiras” é de continuar atentos aos “sinais dos tempos”, para que os Arsenais possam responder aos novos desafios que nos chegam sempre.



Responsabilidade

ASSOCIAÇÃO ASSINDES SERMIG, associação de direito privado, de natureza beneficente e filantrópica, sem fins econômicos e lucrativos, de caráter de assistência social e educacional, com atividade preponderante na área de assistência social, detentora dos títulos de utilidade pública federal, estadual e municipal, com sede no Brasil na cidade de São Paulo, à Rua Dr. Almeida Lima nº 900 - Mooca CEP 03164-000, inscrita no CNPJ/MF sob nº 62.459.409/0001-28, responsável pela obra social denominada Arsenal da Esperança Dom Luciano Pedro Mendes de Almeida, acolhe diária e ininterruptamente 1.150 homens em situação de rua com algum tipo de necessidade. 

Lei nº 13.019 de 31 de julho de 2014: O balanço patrimonial da entidade é publicado anualmente em jornal de grande circulação. Os demais documentos a que se refere a línea “b” do inciso IV do artigo 33 da mencionada Lei, tais como o relatório de atividades, certidões negativas de débito com a Previdência Social e com o FGTS, encontram-se à disposição para exame de qualquer cidadão, na sede da ASSOCIAÇÃO ASSINDES SERMIG, no endereço acima indicado.

 

Questo sito utilizza i cookies. Continuando la navigazione acconsenti al loro impiego. Clicca qui per maggiori dettagli

Ok